A Aquário homologou mais um celular de mesa (e revelou a MVNO deles junto)

A Aquário homologou mais um celular de mesa (e revelou a MVNO deles junto)
Clica aí na imagem pra entrar no Telegram do insiraficha.com

Pois é, eu mirei num telefone de mesa (que é algo comum) e acertei numa MVNO da Americanet (que é menos comum).

O aparelho é o CA-42SX 4G, seguindo mais ou menos a nomenclatura típica dos produtos da Aquário.

O SoC do aparelho é um UMS9117 da Unisoc (Spreadtrum), também utilizado nos Nokia 215 e 225, que são aparelhos básicos, mas com suporte a LTE e VoLTE.

O CA-42SX 4G também suporta LTE e VoLTE, além de poder servir como hotspot Wi-Fi, com tecla dedicada, antena removível (para você poder conectar uma antena externa no telhado) e o LTE é categoria 4.

A tal tecla dedicada. O destaque em amarelo não consta das imagens originais.

E, assim como seu antecessor, usa alimentação através de uma porta USB-A, violando a especificação USB.

As bandas LTE suportadas são 1, 3, 5, 7, 8, e 28, que cobrem a maioria as redes LTE no Brasil (com a possível exceção da banda 40, que ainda é nova, e tem sido usada mais para NR).

Mas a parte mais interessante da documentação é o manual, e suas referências a MVNO da Aquário, a Aquário Mobi.

Na página 3 do manual há alguns detalhes, além de informar que o aparelho vem com um SIM card da Aquário Mobi (que também passa ser a marca em que o aparelho será vendido).

A Aquário Mobi é uma MVNO credenciada da Americanet, como o contrato de credenciamento submetido à Anatel revela.

Detalhe do contrato de representação da Aquário com a Americanet

A URL que consta (aquariomobi.com.br) dos manuais ainda não funciona, mas com uma simples pesquisa no Google encontramos o site, sob o IP 20.206.128.11 (cuidado, erro de SSL):

E os planos não são muito encorajadores (aka são caros).

Alguns dos planos da Aquário Mobi

Além de caros, alguns dos planos estão repetidos no site, mas com uma diferença de 10 reais.

O plano mais barato é o plano de 500 minutos por 39,90 (478,80 constando como “valor total”), e o plano mais caro é o plano de dados de 23GB por 299,90 mensais (1799,40 de “valor total”, que vem também com 500 minutos e pode ser adquirido por 259,90, por algum motivo).

Essa indicação de valor total me faz suspeitar que estejam vendendo 1 ano de plano de uma vez só.

O fato desse chip ser incluso com os aparelhos me faz crer que a intenção é vender uma “solução completa” sob a marca Aquário Mobi, que já vem pronta para uso ao sair da caixa. Infelizmente, os preços não são encorajadores.

Para comparação, o plano de 120GB (apenas dados) na Claro custa 119,99 mensais, uma diferença dramática.

Mesmo na TIM, que é um ponto de comparação melhor por ser a mesma rede utilizada pela Americanet, o plano de 80GB custa 107 reais mensais (em débito automático).

Ou seja, a Aquário Mobi é um péssimo custo-benefício, o que infelizmente é a realidade da maioria das ofertas das MVNOs existentes no Brasil.

Everton Favretto

Everton Favretto

Criador, editor, administrador e faz-tudo do insiraficha.com Também colabora no Tecnoblog.